Presidente do STF ministro Dias Toffoli pauta para o dia 10/06 no plenário da corte julgamento do pedido da PGR de suspensão do inquérito das Fakes News

02/06/2020

O Procurador-Geral da República Augusto Aras, encaminhou na semana passada um pedido ao STF, para suspensão da tramitação e dos atos do inquérito contra as fakes news. Em suas alegações o PGR diz que a investigação da Polícia Federal se tornaram ilegais devido à condução do ministro Alexandre de Moraes. O presidente em exercício do STF ministro Edson Fachin encaminhou o pedido ao plenário da corte e a decisão irá ficar para o ministro Dias Toffoli presidente do Supremo Tribunal Federal, que já pautou para o próximo dia 10/06 no plenário da corte suprema. Muito provavelmente os ministros irão votar pela legalidade do inquérito, que tem como preceitos legais a Constituição e o Art 43 do Regimento Interno do STF que tem força de Lei. Lembrando ainda que foi do próprio Toffoli o pedido de abertura do inquérito das "fake news", que tem o ministro Alexandre Moraes seu relator.