Até aqui nos ajudou o Senhor

De acordo com Professor e jurista  Marcelo Uchôa abertura do processo de impeachment será inevitável

22/04/2020

O presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia, poderá responder a processo no conselho de ética da instituição, por prevaricar e não cumprir suas obrigações constitucionais. "O Código de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara obriga o deputado a respeitar e cumprir a Constituição (Art. 3°)". De acordo com professor Marcelo Uchôa, jurista pela democracia, em seu twitter, o entendimento é que Maia está obrigado por força do código e ética a abrir um processo de impeachment contra Jair Bolsonaro. Lembrando que hoje, Maia tem em mãos 16 pedidos de impeachment contra Bolsonaro. Foram apresentados 17, mas um foi arquivado pelo congressista. A sinalização do congresso é que nenhum deles deve tramitar. No último domingo não ficou dúvida alguma que ele explicitou sua defesa na implantação uma nova ditadura no Brasil suas declarações de apoio ao grupo teve transmissão ao vivo pelas redes sociais. É dever parlamentar abrir processo de impeachment (CF, Art. 51, I) contra um presidente que claramente atenta contra o art. 85 (II, III, V e VII) da Constituição. Ou seja, a abertura do processo se tornou inevitável.