Teich recusa convite de Pazuello

24/05/2020

O general Pazuello, atual ministro da Saúde, convidou seu antecessor para ser assessor no ministério e recebeu uma recusa do ex da pasta Nelson Teich. Em sua conta no Twitter Teich diz "que não seria coerente deixar o ministério em uma semana e aceitar a posição de Conselheiro na semana seguinte". Ele também escreveu que quando assumiu o ministério, tinha a proposta de adotar um modelo de gestão mais técnico. "Uma condução técnica do Sistema de Saúde significa uma gestão onde estratégia, planejamento, metas e ações são baseadas em informações amplas e precisas, acompanhadas continuadamente através de indicadores". Uma condução impossível de ser levada adiante, especialmente pela interferência de Bolsonaro , no que diz respeito a decisões criticas da pasta nesse momento de crise. Teich mesmo sem dizer claramente deixou claro que a resistência ao isolamento social e a insistência em assinar o novo protocolo para o uso da cloroquina, foram as motivações para seu pedido de demissão.