Até aqui nos ajudou o Senhor

Governo Federal muda de idéia e mantem a GLO no Ceará

01/03/2020

Ainda falando do motim da polícia do Ceará, ignorando os apelos dos governadores que cobram um pronunciamento firme do governo federal, especialmente do ministério da Justiça, contra os policiais amotinados o Ministro Sérgio Moro declarou durante o 6º encontro do Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Cosud) que ocorre em Foz do Iguaçu, que é "greve é ilegal", mas que "policiais não podem ser tratados como criminosos". Em uma declaração incompreensível o ministro disse O governo federal vê com preocupação a paralisação que é ilegal da Polícia Militar do estado. Claro que o policial tem que ser valorizado, claro que o policial não pode ser tratado de maneira nenhuma como um criminoso. O que ele quer é cumprir a lei e não violar a lei, mas de fato essa paralisação é ilegal, é proibida pela Constituição", disse Moro. O presidente entretanto recuou e manteve a tropa da GLO (Garantia da Lei e Ordem) no estado até o dia 06/03, até lá espera se que as negociações entre governo e Polícia Militar chegue a um consenso.