Até aqui nos ajudou o Senhor

Preconceito e intolerância inacreditável 

12/11/2019
Foto Divulgação/Arquivo Facebook
Foto Divulgação/Arquivo Facebook

Em pleno século XXI a intolerância e o preconceito ainda impera na sociedade, olha essa história. Uma gari de Porto Velho, Rondônia, Paulina Carvalho, de 25 anos, foi humilhada, em seu horário de trabalho. Paulina executava sua tarefa, varrendo uma das ruas da cidade a noite, quando foi abordado por uma mulher em um carro de luxo e humilhada, a mulher a olhou de cima a baixo e disse "Nossa para que se emperequetar tanto assim? Você vai varrer o chão e vai estar com a cara cheia de poeira e não vai dar para ver nem pó no seu rosto'" como prova mais uma vez o dito do poeta do povo de que gentileza gera gentileza, Paulina respondeu. "Não é por trabalhar varrendo rua, lidando diretamente com lixo que deixaria de ser mulher", disse Paulina. "Minha educação é humilde, vem de berço. Eu poderia tratá-la da mesma forma. Mas pela idade dela respeitei. A gente oferece o que tem, eu ofereci minha gentileza", disse.