Até aqui nos ajudou o Senhor

Balanço da Primeira Operação Alerta Vermelho de Juiz de Fora e região

13/03/2020

A Operação se baseia em vistorias de fiscalização em edificações e áreas de risco destinadas a uso coletivo, buscando certificar o cumprimento das exigências das medidas de proteção contra incêndio e pânico de modo a garantir a proteção das pessoas e a prevenção de incêndios.

A atividade de hoje (12) teve como objetivo fiscalizar os estabelecimentos dispensados de licenciamento e edificações de baixo risco - (Redesim), para que seja verificado se elas realmente se enquadram nas características construtivas e ocupação do local para poderem estar liberadas pelo certificado emitido pela Junta Comercial do Estado de Minas Gerais (JUCEMG).

As ações foram desencadeadas em todo o estado e na área de articulação do 4º BBM, nos municípios de Juiz de Fora, Leopoldina, Ubá, Muriaé e Viçosa. Foi um total de 114 estabelecimentos vistoriados nessas 05 cidades. Dentre eles 41 estão em situação regular e 73 irregulares. Nenhuma edificação foi interdição foi realizada, porém foram aplicadas 64 advertências escritas e duas multas.

Em Juiz de Fora, das 61 edificações fiscalizadas, 21 estão regulares e 40 irregulares. Houve dois estabelecimentos multados e emitidas 31 advertências escritas.

Durante o ano de 2020 ocorrerão outras ações e os locais a serem fiscalizados serão definidos pelo Comando Geral do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais.

Fonte. Sala de Imprensa 4º BBM