Ancine em Foco

29/12/2019

Meritocracia, é apenas isso que a população espera de qualquer um, que se proponha a assumir uma função no governo. Nada além disso. Lembrando que isso foi uma das principais promessas do governo. Pouco antes de seu embarque para Bahia o presidente foi questionado sobre a permanência do ministro da Educação no cargo e respondeu "Em meu governo não tem troca-troca", sério isso, sem muito esforço seria possível catalogar ministros, assessores, presidente de órgãos governamentais e líderes do governo no parlamento, que já foram trocados (talvez o governo que mais tenha feito trocas). Tanto é verdade que o presidente vai encaminhar ao Senado, os nomes do pastor Edilásio Santana Barra Junior, Tutuca, e de Verônica Brendler para compor a diretoria da Ancine (Agência Nacional de Cinema),para um governo que não faz troca-troca. Vale lembrar que o pastor Edilasio assumiu em outubro o cargo de superintendente de Desenvolvimento Econômico da Ancine. Antes ele havia sido preterido entre os próprios bolsonaristas, quando o ministro Osmar Terra tinha a intenção de deixá-lo a comando da Secretaria de Audiovisual. Tudo porque acreditavam que ele não possuía formação para ocupar o cargo. Parece que a prevalência do QI (quem indica) volta a rondar os gabinetes e órgão importantes do governo. Lamentável!