Toma que a conta é sua

16/01/2020

"Quem manda aqui sou eu p***a", um pedido do próprio presidente movimentou o ministério de Minas e Energia para desenvolver um estudo para concessão de subsídios para reduzir os valores de contas de energia das igrejas. Uma minuta até chegou a ser apresentada, mas encontrou forte resistência por parte da equipe econômica do governo. Sem apoio o presidente decidiu no dia de ontem (15) suspender qualquer negociação nesse sentido. O próprio presidente decidiu a imprensa "Falei com o Silas Câmara (presidente da bancada evangélica na Câmara) e com o (missionário) R. R. Soares e está suspensa qualquer negociação nesse sentido". Que bom que o bom senso prevaleceu, Valeu aqui a máxima, "pode não ser ilegal, mas é imoral". Além de onerar os cofres públicos. Sem contar com o fato de outros segmentos religiosos entrarem na justiça pleiteando do mesmo direito