Até aqui nos ajudou o Senhor

Produção nacional bateu a maior arrecadação da história do cinema brasileiro

24/01/2020

Enquanto o governo teima em criticar o nosso cinema, uma produção nacional, lançado no final do ano passado, desbancou superproduções Hollywoodianas, como Star Wars: A Ascensão Skywalker e Frozen 2 nas bilheterias nacionais. É o fenômeno "Minha mãe é uma peça 3". O primeiro filme de Minha Mãe é uma Peça, lançado em 2013, se tornou o mais assistido no país daquele ano, com mais de 4,6 milhões de espectadores. O segundo filme estreou em 2016 e também bateu recorde e se tornou o quarto filme mais assistido da história do país. Completando a trilogia esse que estreou em 2019, bateu a maior arrecadação da história do cinema brasileiro. Com os R$ 13,7 milhões registrados em um final de semana, a comédia de Susana Garcia bateu a marca histórica de R$ 137,9 milhões. A Ancine criada em 2001, para ser uma agência reguladora, está sendo esvaziada, o governo estuda transformá-la em secretaria subordinada ao Ministério da Cidadania, assim como já fez com a cultura. Com o resultado dessa produção cinematográfica o governo acerta um tiro no outro pé. Um dado pelo ministério da Educação pela balbúrdia da Universidades, e agora o do ministério da Cidadania pela falta de qualidade do cinema brasileiro. Com os dois pés furados só falta nosso governo acordar e investir na cultura.