Até aqui nos ajudou o Senhor

Rede Record destrói pinturas rupestres e é condenada em R$ 2 milhões 

18/02/2020

Os poderosos acham que podem tudo, e por isso muitas das vezes põem os pés pelas mãos.A cerca de 10 anos a Rede Record usou como locação para uma de suas séries bíblicas "Rei Davi" locais como o Vale do Jequitinhonha MG e as áreas desérticas de Cache Creek e Kamloops, no Canadá. Agora a Rede Record foi condenada em segunda instância por depredação a sítio arqueológico da região de Diamantina. A emissora resolveu pintar de branco uma parede com arte rupestre, de grupos pré-históricos que habitaram a região. A parede está localizada na Serra do Pasmar e foi pintada para compor o cenário. Para a gravação da minissérie a empresa investiu aproximadamente R$ 30 milhões. O valor arbitrado da multa foi de R$ 2 milhões, mas a Rede Record irá recorrer da sentença. A grandeza e os efeitos especiais das séries da Record, certamente tem marcado uma nova fase na teledramaturgia nacional, Mas sem dúvidas não dá o direito de depredarem importantes fontes históricas de um povo. Não é possível colocar um preço no que foi perdido, O que se perdeu vai além de valores materiais, estamos falando de outro tipo de valor, o histórico, cultural, antropológico, humano, de pessoas que tinham um outro modo de vida.