Secom do governo e as imagens falsas na publicidade oficial

03/07/2020

Depois da Secom utilizar imagens de banco de dados de pessoas, e associar essas imagens a um bate papo com o presidente. Checagens mostraram que a utilização de imagens falsas vai ainda além. A Agência AFP, constatou que uma das fotos mais replicadas pelas redes mostram soldados do exército trabalhando em um dos trechos da transposição do rio São Francisco. Constatou que a foto é de 2012, "a foto em questão aparece na página do Exército brasileiro no Flickr com data de 12 de maio de 2014". O 1º Grupamento de Engenharia do Exército, afirmou que ela se refere a uma obra de 2012 de drenagem externa do Canal de Aproximação à Estação de Bombeamento 01 do Eixo Leste do Projeto de Integração do rio São Francisco. Outras fotos distribuídas pela publicidade oficial do governo, mostra locomotivas sucateadas e na legenda tenta fazer uma comparação entre os últimos anos de governo e os "18 meses de Bolsonaro". A checagem da AFP mostrou, a partir de uma busca reversa no Google, que a imagem é de 2002 período do governo FHC. As imagens foram feitas pelo chargista Carlos Latuff. Que afirmou à agência AFP, que as fotos foram feitas em 2002 na oficina da companhia ferroviária MRS Logística no Horto Florestal, em Belo Horizonte, Minas Gerais. "São realmente sucatas de locomotivas da antiga Rede Ferroviária Federal". Tem tudo haver com a preocupação do governo em vetar o Projeto de Lei das Fakes News.