Até aqui nos ajudou o Senhor

DPVAT tem mais de 60% de queda nos valores cobrados, para os próximos quatro anos

29/12/2019

DPVAT... Ele foi extinto por uma canetada do presidente e oito dias depois a canetada foi derrubada. Nós sempre falamos que a solução na grande maioria não está em cortar a árvore, basta limpá-la. Depois de recriado o DPVAT teve sua reestruturação aprovada pelo Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP) e terá o seu monopólio quebrado. Entre a nova estruturação, está o novo valor aprovado para os próximos quatro anos, que sofreu uma bem vinda redução que ultrapassa os 60% em relação a 2019. Os novos valores que passam a vigorar já em 2020, será de de R$ 5,23 para carros, R$ 10,57 para ônibus e micro-ônibus com frete, R$ 5,78 para caminhões e R$ 12,30 para motos. A seguradora Líder ainda é a única autorização para cobrar a taxa do DPVAT. Mas segundo a superintendente da Susep, Solange Vieira, isso vai mudar a partir de 2021, já que até agosto, será entregue o estudo para a quebra do monopólio ao CNSP. Para Vieira, a quebra do monopólio será fundamental para evitar as famosas fraudes. "O monopólio, por definição e nessa situação especial, tende a não ser eficiente. Agora o consumidor vai poder escolher em qual seguradora e pagar menos pela tarifa do DPVAT", avaliou