Até aqui nos ajudou o Senhor

Redação do Enem terá nota mínima de 400 pontos

27/12/2019

Até agora, bastava não tirar zero para ter direito ao financiamento, agora o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) passará a exigir uma nota mínima de 400 pontos na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Esta foi uma das mudanças já aprovadas pelo Comitê Gestor do Fies. Além disso, a partir de 2021, o programa poderá ter uma redução na oferta de vagas financiadas pelo governo federal. Antes bastava apenas não zerar a prova, mesmo critério usado para seleção de estudantes para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que oferta vagas em universidades públicas, e para o Programa Universidade para Todos (ProUni), que oferece bolsas de estudo em instituições particulares de ensino superior. Só um questionamento sem maldades, quantos membros do novo governo, incluindo o presidente, alcançaria esta nota. Seria interessante se realizassem um simulado. Obviamente a justificativa do MEC e perfeita as mudanças foram feitas para garantir "a meritocracia como base para formar profissionais ainda mais qualificados". O que não se pode entender é a diminuição em quase 50% das vagas mantidas pelo governo federal. As vagas poderão passar de 100 mil em 2020 para 54 mil em 2021 e 2022, lembrando que são ofertadas aos estudantes em condições socioeconômicas mais vulneráveis. A equipe do governo encontram vários problemas no programa mas não aponta nenhuma solução técnica além de cortes em vagas.