Até aqui nos ajudou o Senhor

Colar que da localização da onça pintada do Jardim Botânico da UFJF deixa de emitir o sinal equipe trabalha para tentar reconectar

09/02/2020

Depois de quase 20 dias, de 25 de abril e treze de maio do ano passado, em que deu um baile na equipe que tentava capturá-la, a onça pintada do Jardim Botânico da UFJF, finalmente foi apanhada e levada para uma área de Mata Atlântica não divulgada por medida de segurança. A equipe de monitoramento reporta entretanto, estarem sem receber sinais do colar colocado no felino para monitorar seus passos a alguns dias. Conforme a equipe, as falhas são comuns e por variadas razões. Há as barreiras naturais, principalmente neste período de chuvas, exposição ao sol, mergulho em águas mais profunda do animal e mesmo a interação com outros animais. Espera-se que o colar volte a sinalizar o posicionamento do animal em breve. Caso isso não ocorra, certamente uma equipe terá que se dirigir ao local da soltura para tentar encontrar o animal, ou ao menos o colar. Assim que os dados forem recuperados a equipe do UFJF, divulgará novas informações.