Ministério da Educação ainda sem ministro

08/07/2020

Quanto tempo o país ainda ficará sem ministro da Educação? Após a fuga de Weintraub para os EUA, o presidente tem tentado um novo nome sem muito sucesso. É incrível, mas quando se pensava que não poderia piorar, o primeiro nome cotado na lista o Professor Carlos Decotelli, adulterou tanto seu currículo, que sua permanência à frente da pasta se tornou impossível. Renato Feder o próximo na fila, está sob investigação e sua empresa a Multilaser, transaciona com o governo federal, especialmente com a pasta que iria assumir, o que interferiu na sua nomeação. Surgiu então um nome desconhecido, reitor da UNOESC (Universidade Oeste de Santa Catarina) Aristides Cimadon. Antes porém o presidente teria tido um almoço fora da agenda com o Major Vitor Hugo, líder do governo na câmara, onde teriam debatido a educação no país. Desde de domingo Bolsonaro tem sondado o deputado para ocupar o cargo. O presidente quer conciliar um nome que seja fiel as pautas ideológicas do governo, mas que não cause problemas, como foi o caso de Weintraub. Para Bolsonaro o nome do deputado, , teria boa recepção entre apoiadores. Além disso Hugo integra a tropa de choque do governo. Enquanto isso o ministério segue sem liderança.