Até aqui nos ajudou o Senhor

Novas regras para CNH começam a valer 

17/09/2019
Foto Divulgação/Arquivo Contran
Foto Divulgação/Arquivo Contran

Começou a valer ontem (16) as novas regras para a obtenção da CNH (Carteira Nacional e Habilitação) em todo o pais, as mudanças tem por objetivo reduzir os custos para tirar o documento. Dentre as principais mudanças estão o uso facultativo do simulador e a diminuição para apenas uma hora de aula pratica noturna. No Rio Grande do Sul um recurso do SindiCFC-RS (Sindicato dos Centros de Formação de Condutores do Estado do Rio Grande do Sul) e vale apenas para os CFCs filiados. O TRF4 (Tribunal Regional da 4ª Região) determinou no dia 26 de agosto deste ano, em decisão liminar, que o simulador de trânsito deve continuar como obrigatório para as autoescolas do Rio Grande do Sul. Uma situação realmente precisa ser melhor estudada, quando o assunto são as regras do Contran , sempre é necessários estar muito atento. Itens que antes eram obrigatórios que ficaram desobrigados, mas que comprovadamente fizerem a diferença. O uso da cadeirinha um item importante, o extintor de incêndio (por experiência própria, um item de segurança fundamental), entretanto o que fizeram foi meter a mão no bolso dos motoristas. Primeiro substituíram o extintor com troca anual bem mais barato, por outro de troca a cada cinco anos com custo acima de R$100, antes disso a alguns anos o Contran determinou a obrigatoriedade de um tal Kit de primeiros socorros, que na verdade não servia nem para uma queda de bicicleta, alem do que a recomendação e oficial é nunca tocar em um acidentado (pra' que então kit de primeiros socorros?) este item, dado sua total inutilidade foi abolido. Em tempos de crise, qualquer economia é bem vinda, mas é necessário esta atento as mudanças e as regras em cada estado.