Até aqui nos ajudou o Senhor

Criar filhos não é brinquedo...

20/09/2019

Antes de ter filhos deveria ser obrigatório passar por exames psicológicos e psicotécnicos para ver se aquelas criaturas têm condições mínimas para o exercício da maternidade ou da paternidade. Não se trata apenas de condições financeiras, o recorte é outro. Claro que é odioso ver pais que colocam os filhos nas esquinas para pedir esmola, enquanto ficam sentados na calçada explorando as crianças. Mas não é apenas a inviabilidade financeira que pesa. O problema é mais grave do que isso. Quantos pais e mães por aí não exibem o menor perfil para encarar o desafio de criar um ser humano? Fazer filho é fácil, difícil é colocar aqueles seres de pé, com estrutura para que possam crescer e amadurecer amparados e preparados para a vida. Quem não nasceu para ser mãe não deve ser mãe. A paciência e o amor não brotam do nada. Exigem dedicação, empenho e vontade. Tem gente que não veio com essa disposição e acaba despejando nos filhos seus recalques e frustrações. Violência, abuso, abandono emocional nunca vão gerar adultos saudáveis e o ciclo vai se perpetuando. Claro, todos têm direito a procriar, mas que muita gente deveria pensar melhor antes de sair fazendo filho que não possa criar, ah... deveria.

Direto do Blog da Deborah Bresser - R7