Até aqui nos ajudou o Senhor

Não foi bem isso que ele quis dizer

05/08/2022

A assessoria do presidente da república, informou à TV Globo, na manhã de hoje (05), que o candidato à reeleição decidiu comparecer aos estúdios da emissora no Rio de Janeiro para a realização da entrevista no Jornal Nacional. Após o senador e filho do presidente, Flávio Bolsonaro, ter dito que seu pai iria dar a entrevista ao Jornal Nacional, a emissora desmentiu a informação e disse que o presidente não havia aceitado ir até os estúdios de gravação. Flávio havia dito que a entrevista seria concedida no dia 22 de agosto e seria transmitida do Palácio da Alvorada, em Brasília. "Tá marcado! Presidente Jair Bolsonaro no Jornal Nacional dia 22/agosto, direto do Palácio do Alvorada", escreveu no Twitter. As regras anunciadas previamente, apontavam que as sabatinas com os presidenciáveis deveriam ser nos estúdios da emissora no Rio de Janeiro. Em um e-mail enviado no fim da noite de ontem (04), a assessoria do presidente manifestava a disposição dele conceder a entrevista, mas no Alvorada, alegando que, "em função da campanha e de compromissos assumidos anteriormente, a agenda presidencial impossibilita a ida ao RJ, no dia 22 de agosto". A emissora reiterou que a entrevista não poderia ser realizada em Brasília e considerou que o convite foi recusado. Na manhã de hoje, porém, a assessoria explicou que o e-mail tinha apenas o objetivo de manifestar uma preferência, mas que o candidato não se recusava a ir ao Rio. para a entrevista.

De acordo com a agenda os outros candidatos estão previstos nas datas de 24 a 26 de agosto.